sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Novembro: trabalhar e festejar.


Olá pessoal, tudo está a funcionar bem na Escolaugusta, não é? Os estudantes de português já falam, lêem e percebem uma nova língua. E estão muito contentes, claro.

Chega aí, quase às escondidas, o mês de Novembro. É nesta altura do ano que festejamos o Dia de Todos os Santos (leiam as histórias na coluna direita) e o Dia de Finados. Há tradições antigas que ainda se mantêm e há outras que estão a entrar no calendário festivo ibérico. No dia 11, celebra-se São Martinho (há um São Martinho de Braga e um São Martinho de Tours) e em Marvão, a 8 e 9 de Novembro, a Festa da Castanha.

"O Dj-Mc Jlsz, retornado das ondulantes águas com a ajuda do Barqueiro, decidiu desta vez ficar na grande cidade e curtir a noite à procura de novos sons. É assim que ouviu estes versos em Hip-hop: "A inveja é um sentimento muito feio. Mete na cabeça que não estou aqui a competir num torneio...". Numa outra sala, Desabafou, noutra mexeu o corpinho e o Kuduro. Enfim, esteve a socializar por aí. Como? Não gostam deste "beat"? Estes sons não são dialectos de ternura? Ok, os mais clássicos podem sempre ficar no Castelo e navegar pelo Rio calmamente."

Pendurei aí à direita, em "Visitem estes sítios", o Guia do Lazer, onde podem encontrar sugestões para o fim-de-semana em Portugal.
Até breve. Participem!

25 comentários:

mariló disse...

Olá colegas. Já li as receitas de Todos os Santos,mas acho que a sopa de sangue, que a minha mãe faz, é muito mais nutritiva. Coitadinha, a minha mãe tem estado e continua a fazer toda a sua vida sopa de sangue e ainda não o sabe.Beijinhos.

juanlusz disse...

Olá Mariló, tens cada uma! Achas boa ideia bebermos um copito desse sangue na próxima Sexta-feira? Quem sabe? Pode ser um bom remédio para afugentar maus espíritos...
Um beijinho para ti e dá cumprimentos à tua mãe.

Dani disse...

Bom dia!
ainda não vi nada das ligações do blogue, mas sim que posso falar um bocado de gastronomia tipica para o dia de todos os santos em Cataluña. Lá é habitual comer castanhas e "panallets" (uns doces que Juan Luis já provou há uns dias) e beber "moscatel".

Também disse no blogue de emeritensespt que uns destes dias temos de fazer alguma viagem com a escola, não é? Os professores estão a pensar algum destino?

Passem uns bons dias, Dani

juanlusz disse...

Olá Dani, provei e gostei imenso desse panallet. Já ouvi dizer que adoras cozinhar. Tal e como na Catalunha, por estas bandas a castanha é habitual nesta altura. Há um ditado que reza assim: "Em São Martinho, boa castanha e bom vinho" (Pratiquem o "b" e o "v").
Os professores já estão a tratar da viagem de estudos. Mas não esqueças que as iniciativas dos estudantes também funcionam...
Bom fim-de-semana!

Anónimo disse...

Olá Juanlusz,

sou uma ex-aluna tua de Almendralejo, visitei o teu cantinho "augusto" e gostei.

Cumprimentos

juanlusz disse...

Olá Nieves, como estás? Lembro-me de ti e de todos vocês. Continuam a estudar português? Passem neste cantinho quando quiserem. Abraço e cumprimentos para ti e para todos.

Anónimo disse...

Olá Juanlusz,

Há alunos que acabaram a EOI e outros que ainda estão na escola. Eu acabei e este ano estou a estudar filologia portuguesa, embora continue a morar em Almendralejo e apenas tenha ido um dia as aulas. A gente tem boas lembranças do professor Juanlusz.

Até à próxima

Anónimo disse...

Uma vergonha,,,,

juanlusz disse...

Olá anónimo, o que se passa contigo? Sentes-te mal? Pega num espelho, analisa o teu comportamento e tenta corrigir os teus defeitos.
Neste espaço aberto e livre, é preciso assinar os comentários, ok?
Há já neste mundo máscaras que cheguem para aturar remoques às escondidas.

coral disse...

olá jl!
Tens de saber que muitas vezes espreito pelo ecrã para saber o que estas a fazer...
Recomendo aos teus alunos (que andam um bocado abatidos,desfalecidos) mergulharem no outono musical que propões.
Já disse alguma vez no blog que gostava dos Da Weasel. Os corpos iluminados deles e o da mulher-tigre... vão dar energia para o mes inteiro.
Além do hip-hop, Kuduro (Buraka som sistema)... madre de Deus.. isso é dançar ("mental contentamento, o corpo em movimento" ;-)
Pronto, fica sabendo, que não esqueço o português, embora o "italiano" procura um lugar na minha cabeça.
Beijinhos, un grosso bacio

coral disse...

fe de erratas: onde disse procura queria dizer "PROCURE"
OK?

coral disse...

Agora que estou a ler estas estranhas coisas de anónimos... ou são brincadeiras?
Vou deixar aqui a minha reflexão que ninguém me pediu, mas é livre e assinada:
A vontade de aprender uma língua é sempre positiva. O professor é um instrumento, como um livro, como a internet...
Ouvir falar outra língua com, ou sem sotaque estrangeiro, é uma forma de aprender a falar; a única, acho eu.Se alguém conhece outra... faça favor de me dizer porque estou a perder muito tempo...
(Não acredito... têm de ser brincadeiras) %-(
Força!

juanlusz disse...

Olá Coral, como vai tudo? Não te preocupes com o comentário do Anónimo. Das duas uma: ou é brincadeira como tu dizes, ou é uma muito grave dor de cotovelos. Tenho a certeza que aluna minha não é. Palpita-me ...
Enfim, é um cromo "mal-vindo" aqui neste espaço.
Vamos ao que interessa: vejo que gostas de todo o tipo de música, até de kuduro. Curisosidade sem limites.
Bom, um abraço e até breve.

Mariló disse...

Os meus caros colegas de blog.
Gostava de dizer que é una boa terapia frecuentar as aulas de português.Isso faz levar o ánimo e descontrair a mente. Onten, na aula com Ana e com os meus colegas o tempo passou sem que dessemos por isso.Por além,o ambiente foi do mais amigável e cordial. Já sabem, se não
têm a moral na cume,frecuenten as aulas.Beijinhos.

juanlusz disse...

Olá Mariló, concordo contigo: uma formação de qualidade e isenta de sentimentos negativos faz muito bem à saúde, física e mental.
Um abraço. Continua a participar com o entusiasmo que te caracteriza e até breve.

Anónimo disse...

Quando comecei a estudar português na escola de Mérida, não sabia que gostava tanto desta lingua.Agora depois de cinco anos, posso dizer que para mim foi muito importante o papel do professor no primeiro ano.Graça à sua boa disposição nas aulas e eu senti o desejo de continuar e já estou no último ano.Gosto imenso de ouvir música portuguesa. Parabéns,Juan L., pelas sugestões musicais que nos ofereces neste espaço. Elena T.

juanlusz disse...

Olá Elena, fico muito contente que nos tenhas acompanhado neste percurso formativo.
Não estava à espera que gostassem destes últimos "sons" musicais mas, enfim, vejo que estão abertos a novas experiências.
Por aquilo que ouvi, o sol vai brilhar no próximo Domingo. Boa caminhada ;-)

Mariló disse...

Os meus caros colegas!Bom dia a todos!
Como já disse o outro dia, as aulas são uma fonte de amizade.Um local onde podem ficar descontraidos y se, além disso,um colega nos oferece bolo de castanha que trouxe de Marvao,já para que mais.
Até breve!

juanlusz disse...

É verdade Mariló. Novembro é um mês para trabalhar e festejar. Bolo e jeropiga, eu também fui servido...
O caminho é mais interessante se houver alimento para o corpo e para a alma. Caso contrário, o caminho é comprido que nem um dia de fome.
Até brev!

Chesku disse...

Boa tarde Joao Luis!
Eu sou Chesku,tenho uma notícia importante: hoje començo o novo curso de diseñador web, é todas as tardes até febreiro, e é obligatório para o meu trabalho... Eu quero fazer-te uma cuestâo: Puedo fazer examen de febreiro, e preparar-me para ele na minha casa?
Deixo o presente para os meus companheiros e para ti, é um conto muito curto mas muito bonito, do Gonçalo M. Tavares:

“El señor Valéry no era guapo. Pero tampoco feo. Mucho tiempo atrás, había decidido cambiar los espejos por cuadros de paisajes. Así pues, desconocía su aspecto actual. El señor Valéry decía: «Es mejor así. Si me viera guapo me asaltaría el temor a perder mi belleza, y si me viera feo detestaría las cosas bellas. De esta manera ni temo ni odio».

À espera da tua resposta, um saudaçao e dê cumprimentos da minha parte os meus companheiros.

juanlusz disse...

Olá Chesku, se gostas da língua portuguesa e queres continuar a aprender, trabalha em casa e passa por cá se tens dúvidas. Força! Aparece em Fevereiro e junta-te a nós para as provas.
Desejo-te tudo bom no curso de Web Design. A promoção profissional não se pode descurar.
Obrigado pelo conto e manda novidades de quando em vez, está bem?

Chesku disse...

Obrigado Joao Luis. Eu gosto muito da língua portuguesa (en español ahora)me esforzaré para llegar a febrero con garantias y cuando acabe el curso a finales de ese mes, me reengancho. Ya te preguntaré por las fechas exactas cuando llegue el momento.
Obrigado!!

mariló disse...

Olá a todos!
Gostei muito do conto que deixou Chesku para nós, porque faz pensar e isto é uma maneira de activar o cérebro.A conclução do autor deveria ser o alvo das nossas vidas.Pois não?Até breve!

guadalupe.grande disse...

Magosto em Porto Covo.
Este fim de semana estive em Porto Covo porque o dono do parque de campismo onde tenho o meu bungaló celebra a festa da magosto. O Sr. Oliveira(chama-se assim) mora em Lisboa e todos os anos invita-nos a todos os residentes a um almoço no jardím do parque. Assam-se sardinhas, entremeada, bifes e castanhas, e para bebermos, aguapé. Passamos um dia muito lindo e fazemos uma convivência muito agradável. Sempre reunimo-nos no sábado seguinte ao dia 11 de Novembro (São Martinho).
No Domingo, dia 16, fomos a Grândola, uma terra que celebrava a feria do chocolate. Como tínhamos de passar muito perto dela quando vínhamos para Mérida, fomos lá para almoçarmos e depois visitámos a feria. Não é muito importante, só tinha dois standes e poucas lojas, mas tinha um chocolate muito bom e sobretudo muito doce.

juanlusz disse...

Força Chesku!
Mariló, activar o cérebro é muito importante; há por aí pessoas que estão a perder neurónios segundo após segundo ;-)
Guadalupe, ganda festa do Magusto, sim senhora e, ainda por cima, chocolate em Grândola Vila Morena...
Até breve.